Câmara de Muzambinho: oposição destaca falhas da administração e governistas anunciam verbas

16.04.2014

Vereadores fizeram reivindicações, anunciaram conquistas, além de dar explicações para a comunidade

Os vereadores de Muzambinho se reuniram nesta segunda-feira (14) para mais uma reunião ordinária da Câmara Municipal e diversas reivindicações e anúncio de conquistas para o município estiveram entre os assuntos tratados pelos parlamentares. 

 

O primeiro a se pronunciar foi o vereador José Donizete Otávio, o Pelezinho, que citou cursos realizados por ele e outros colegas em Belo Horizonte e parabenizou os escritores da cidade, pela semana do livro. O vereador anunciou ainda a liberação de uma verba de R$ 100 mil para a construção de uma academia de saúde, concedida através de emenda parlamentar do Deputado Luis Tibé.

 

Já a vereadora Silene Ceravolo falou de uma espécie de “inspeção” que fez por alguns bairros da cidade, como Jardim Anápolis, Jardim Altamira, Jardim Mirian e Canaã, e apontou algumas irregularidades, como o mato e os terrenos baldios, onde, segundo ela, a Prefeitura deve intensificar a fiscalização para que os proprietários tenham mais cuidados com seus terrenos. A vereadora ainda cobrou atenção da administração para cuidados com as ruas, limpeza da cidade, do cemitério e repetiu o discurso que vem sendo adotado pela oposição ao Prefeito, de que o almoxarifado municipal é um cemitério de veículos estragados e que merece atenção.

 

Cristiano de Almeida contestou as palavras da colega Silene, dizendo que também passou por diversas ruas e considerou que a situação é normal. Cristiano anunciou ainda duas verbas liberadas para o município de Muzambinho viabilizadas pelo Deputado Estadual Sávio Souza Cruz. Uma verba de R$ 97 mil, voltada para a agricultura, que será destinada à compra de Trator agrícola, e uma segunda verba para a cobertura de quadra poliesportiva do Jardim dos Imigrantes no valor de R$ 90 mil.

 

O Daniel Ferraz pediu empenho da administração para melhorar a limpeza nos bairros da cidade, falou de um requerimento feito no ano passado e aprovado em plenário, solicitando 2 caminhões caçamba ao Deputado Federal Odair Cunha. Daniel anunciou que o primeiro dos caminhões, no valor de R$250 mil, será entregue nesta quarta-feira. 

 

Nilton Bortolotti usou sua palavra para dar explicações sobre a citação feita pelo Prefeito Ivan de Freitas que, em entrevista, mencionou os recursos oriundos do antigo FUNDEF (Fundo Nacional da Educação Fundamental) que teriam sido utilizados de maneira errada na rubrica contábil em 1998, quando Nilson era o prefeito da cidade. Em suas explicações, Nilson disse que a verba é parte de um valor maior transferido pelo governo de Estado voltado ao financiamento da educação e que, na época, havia muitas dúvidas pelos gestores – no caso, os prefeitos que recebiam as verbas. Nilson disse que uma consulta foi feita à Secretaria de Estado da Educação, que, à época, afirmou que o município poderia usar os recursos para pagamentos de professores aposentados, estagiários e o pessoal da secretaria de educação.  

 

E agora, 17 anos depois, o município é intimado a devolver esse recurso, porque a Justiça entendeu que o valor foi utilizado de forma indevida. Nilson afirmou que, se houve erro, foi totalmente de cunho contábil e não vindo de má fé. O ex-Prefeito disse que não levou nenhum tipo de vantagem vinda do cargo público e ainda sugeriu que se corrija a rubrica de 1998 e regularize-se a questão, já que os valores foram efetivamente empregados na educação.

 

Reginaldo Esaú dos Santos, o Canarinho, e João Batista Vasconcelos, o João Pesão, unificaram o discurso em torno da atual situação dos PSFs de Muzambinho, citando o caso de um dos Postos que chegou a ficar 3 meses sem telefone por falta de pagamento da conta e a má colocação de Muzambinho perante a Regional de Saúde de Alfenas, quando, segundo os vereadores, a cidade ficou em último lugar de um ranking composto por todas as cidades que possuem PSFs na região, devido a falta de requisitos básicos para o funcionamento adequado do Programa. 

 

Cleber Marcon, presidente da Câmara, se solidarizou com o vereador Nilson Bortolotti e com a Administração pelas acusações de uso indevido de dinheiro público que vêm sofrendo. O Presidente da Câmara disse que acredita na honestidade dos envolvidos. 

 

A reunião da Câmara pode ser acompanhada todas as segundas-feiras ao vivo pelo site http://www.camaramuzambinho.mg.gov.br/tv-camara. 

Compartilhar

Fonte - Redação Atividade FM Autor - Evandro Moreira

Solicitar Musica

UF

MG

  • AC

  • AL

  • AP

  • AM

  • BA

  • CE

  • DF

  • ES

  • GO

  • MA

  • MT

  • MS

  • MG

  • PA

  • PB

  • PR

  • PE

  • PI

  • RJ

  • RN

  • RS

  • RO

  • RR

  • SC

  • SP

  • SE

  • TO