Dia Internacional da Mulher foi tema do Bom Dia Atividade Especial

17.03.2017

Psicóloga e professora Célia Regina Oliveira falou sobre o tema em nossos estúdios.

Na última edição especial do Bom Dia Atividade que foi ao ar no sábado (11), a psicóloga e professora Célia Regina Oliveira, que atua na cidade de Monte Belo, foi nossa convidada para falar sobre o Dia Internacional da Mulher, comemorado no dia 08 de março.

 

O Dia Internacional da Mulher representa um dia de reflexão e luta sobre as conquistas femininas até os dias de hoje. Célia disse que muito ainda precisa ser feito, mas que a data também não pode ser enxergada somente como um apelo consumista, onde as mulheres são presenteadas pelo seu dia. Segundo ela, esse consumismo gerado por datas comemorativas não levam as pessoas à felicidade.

 

Célia disse que essas datas comemorativas também podem ser vistas como forma uma afirmação do preconceito, no caso, contra as mulheres. O exemplo são as muitas mensagens, brincadeiras e piadas com o tema que são disseminadas principalmente pelas redes sociais, o que segundo Célia, só afirmam o preconceito e desvalorizam a mulher perante a sociedade, o que ela classificou como ponto negativo da internet.  

 

Para ela o importante é o trabalho da mulher na sociedade ser reconhecido no ano todo, que as mulheres têm que acreditar na força de seu trabalho, lutar por seus objetivos e principalmente por respeito e valorização, desde o ambiente familiar como no trabalho e na sociedade em geral.

Segundo ela, são pequenos gestos que podem fazer diferença. Ela citou como exemplo a divisão das tarefas do lar com os maridos e companheiros, ensinar os filhos a também cuidar da casa, pois as mulheres que ficam em casa são as mais desvalorizadas em sua visão.

 

A participação da mulher na sociedade segundo Célia ainda é muito precária. Ela disse que é uma luta constante, pois mesmo as que conseguiram conquistar seus objetivos profissionalmente, ainda precisam continuar lutando.

 

Questionada sobre ações do poder público voltada para as mulheres, a psicóloga disse que ainda faltam muitas coisas que o poder público poderia fazer e citou como exemplo a falta de delegacias da mulher em todas as cidades. Os números de violência contra a mulher são alarmantes no Brasil e muitas vezes, as mulheres deixam de denunciar os abusos sofridos por não ter uma delegacia especializada em sua localidade.

 

Sobre a repercussão do discurso do presidente Michel Temer no dia das mulheres na questão da educação dos filhos, Célia disse que infelizmente muitas pessoas ainda pensam dessa forma, mas a participação do homem, tanto na educação dos filhos como na rotina da casa é fundamental. A educação dos filhos tem que ser uma responsabilidade tanto o pai como da mãe.

 

Para a psicóloga, o maior desafio da mulher na sociedade hoje ainda é acabar com o preconceito. Não só contra as mulheres, mas todas as formas. Segundo ela, a luta contra a desvalorização da mulher no trabalho, em casa e em todas as esferas da sociedade está longe de ter fim, mas são através de pequenos gestos, pequenas mudanças diárias nos hábitos que podem fazer a diferença.

 

 

A psicóloga e professora Célia Regina Oliveira atua em Monte Belo (MG).

 

 

Foto: Reprodução Rede Social

 

 

Compartilhar

Fonte - Redação Atividade FM Autor - Monica Colombo

Solicitar Musica

UF

MG

  • AC

  • AL

  • AP

  • AM

  • BA

  • CE

  • DF

  • ES

  • GO

  • MA

  • MT

  • MS

  • MG

  • PA

  • PB

  • PR

  • PE

  • PI

  • RJ

  • RN

  • RS

  • RO

  • RR

  • SC

  • SP

  • SE

  • TO